UNIDADE DE NEGÓCIOS

Viasoft Connect Connect Week

TRE do Tocantins derruba censura ao Estadão e a mais 83 veículos

28 de setembro de 2010


Da Redação

Caiu a liminar que impedia 84 veículos, entre eles o jornal O Estado de S. Paulo, de publicar informações sobre a investigação do Ministério Público de São Paulo a respeito do candidato à reeleição ao governo do Tocantins, Carlos Gaguim (PMDB). A liminar foi derrubada nesta segunda-feira (27/9), pelo Pleito do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins, por 4 votos a 2.

A proibição havia sido imposta pelo desembargador Liberato Póvoa, que na última sexta-feira (24/9) atendeu pedido da coligação Força do Povo, para impedir a publicação dos fatos investigados pelo Ministério Público de São Paulo sobre fraudes em licitações no Tocantins.

Após protestos da imprensa e de entidades representativas, o candidato apresentou, por meio de sua assessoria jurídica, um pedido de revogação parcial da liminar. Agora, a restrição deverá atingir apenas o horário eleitoral gratuito, no rádio e na TV, por parte da coligação Tocantins Levado a Sério, do candidato Siqueira Campos (PSDB), liberando assim os veículos de imprensa.

“Nós queremos é que, quando a imprensa for publicar, publique o relatório por completo. Tem de colocar isso à disposição da sociedade. Agora, é preciso deixar claro que não existe sequer processo de investigação contra o governador”, afirmou o advogado Sérgio do Vallem, ao protocolar o documento.

As informações são do Estadao.com

Contato