UNIDADE DE NEGÓCIOS

Viasoft Connect Connect Week

Estadão entra com novo recurso contra proibição

24 de agosto de 2009


O Estadão ingressou com novo recurso contra a decisão do desembargador Dácio Vieira, que no dia 31/07 proibiu o jornal de publicar informações sobre a Operação Boi Barrica, que investiga supostas irregularidades praticadas por Fernando Sarney, filho do presidente do Senado, José Sarney. É a terceira tentativa de reverter a proibição.

O pedido, de exceção de suspeição, é baseado no texto apresentado pelo desembargador para negar o primeiro recurso. O advogado Manuel Alceu Affonso Ferreira, que representa o jornal, destaca seis passagens da manifestação de Vieira, nos quais o Estadão é atacado.

“As gravíssimas imputações que o desembargador lançou em direção ao Estado mostram ausente, nessa relatoria, o pressuposto processual básico da isenção judicante”, afirma Affonso Ferreira, advertindo que Vieira fez um prejulgamento que revela “radical inimizade” com o jornal.

“Não receberá jurisdição imparcial quem, como o jornal, se vê pelo próprio julgador acusado de ‘distorcer’ fatos, de ‘abusiva atuação’, de desfechar ‘tenazes e infundados ataques’, de tentativas de ‘intimidação’, de praticar ‘intimidação das instituições’, de adotar ‘conduta temerária’, de violara‘ ética jornalística’ (…). Coisas parelhas somente são ditas relativamente a adversários figadais, nunca referentemente a quem se deva julgar”, argumenta o advogado.

Com informações de O Estado de S. Paulo

 

Fonte: site Comunique-se

Contato