UNIDADE DE NEGÓCIOS

Viasoft Connect Connect Week

7º Congresso Estadual de Profissionais (CEP) inicia em Foz

27 de maio de 2010


abertura-cep

“Estamos construindo a sociedade do conhecimento”, disse o presidente do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Paraná (CREA-PR), engenheiro agrônomo Álvaro Cabrini Jr. na abertura do encontro na noite desta quarta-feira (26), em Foz do Iguaçu. O presidente lembrou que estamos vivendo um momento de mudança. “É o momento em que a sociedade deixa de ser competitiva. Deixamos de lado a visão cartesiana e estamos adotando a visão sistêmica. E o CREA-PR está preparado para participar desta nova era e para implementar as mudanças necessárias”, afirmou Cabrini.

O governador Orlando Pessuti disse que participou do evento para renovar o compromisso de parceria que sempre existiu entre o Governo do Paraná e o Conselho. “Na trajetória que temos como parceiros conseguimos implementar muitas políticas públicas, fruto do bom diálogo que sempre tivemos com o CREA e com as entidades de classe ligadas ao Conselho. Foi juntos que construímos uma realidade da qual os paranaense podem se orgulhar”, disse Pessuti.

Pessuti também demonstrou interesse em participar mais ativamente do programa Agenda Parlamentar, desenvolvido pelo CREA com apoio das entidades de classe, e que visa apresentar propostas de contribuição às gestões municipais. “Este programa e estas propostas elaboradas com a visão da engenharia, arquitetura e agronomia são de importância fundamental para o nosso Estado”, afirmou.

Para o engenheiro Paulo Mac Donald Ghisi, prefeito de Foz do Iguaçu, é uma honra para a cidade cediar este encontro profissional. “Sempre aliei e usei a engenharia para governar a cidade e é desta forma que estamos transformando e preparando Foz do Iguaçu para o futuro”, explicou.

Participaram da abertura ainda o presidente do Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (CONFEA), engenheiro Marco Túlio de Melo – que também proferiu a palestra de abertura – o coordenador da Comissão de Organização do 7º Congresso Estadual de Profissionais, engenheiro civil Joel Krüger e a presidente da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Cascavel (AEAC), arquiteta Marli Antunes da Silva Aoki, representando as demais entidades de classe presentes no evento.

Evento

Durante o Congresso, que segue até sexta-feira, os mais de 350 participantes irão discutir os desafios, as oportunidades e o futuro do sistema profissional. O tema é “Construindo uma agenda para o sistema profissional: desafios, oportunidades e visão de futuro”, que abrange cinco eixos referenciais para os debates: formação, exercício, organização, integração e inserção profissional.

Antes do CEP, encontros nas sete regionais do CREA-PR e inspetorias mobilizaram cerca de 5 mil profissionais. “São questões do dia a dia e que podem ser alteradas com a participação de todos”, explica o coordenador da Comissão Organizadora Estadual (COE), engenheiro civil Joel Krüger, conselheiro do CREA-PR.

As propostas paranaenses, definidas no CEP serão levadas por 18 delegados ao 7º Congresso Nacional de Profissionais (CNP), que terá duas etapas. A primeira em Cuiabá (MT), entre os dias 24 e 27 de agosto, e a segunda de 24 a 26 de novembro, em Brasília (DF).

O Congresso Estadual (CEP) e o Congresso Nacional (CNP) acontecem a cada três anos para discutir as prerrogativas profissionais. Mais informações sobre o evento podem ser consultadas na página principal do CREA-PR, link 7 CEP.

Contato